•  

    Os primeiros dias de vida duma planta de canábis são muito importantes para o seu posterior crescimento. Se se pretende cultivar esta planta com êxito é essencial conhecer a perfeição no processo de germinação das sementes.

     

    Cada cultivador tem as suas preferências, mas há algumas práticas que toda a comunidade canabica aceita como corretas e que são recomendáveis de seguir.

     

    Uma boa forma de germinar as sementes é por-las num copo com água, de preferência de garrafa. Nunca se deve utilizar algodão da farmácia, papel de cozinha, guardanapos de papel etc, já que estes produtos costumam conter agentes químicos, como cloro ou branqueadores, que podem afetar negativamente a germinação das sementes.

     

     

     

     

    As sementes devem-se manter na água, num lugar escuro ( entre 20 – 25 Cº) e protegidas da luz até que se abram. Durante este período deve-se mudar a água a cada 48 horas ou as sementes podem apodrecer.

     

    Lembra-te que estamos a lidar com seres vivos e é difícil prever o seu comportamento. Não podemos controlar todos os parâmetros que influem no processo de germinação, mas seguindo as nossas recomendações, tendo paciência e tratando das sementes com muito carinho quase de certeza que tens êxito.

     


     

    O processo de nascimento duma planta de canábis pode alargar-se até aos 10 dias. Isto deve-se a que a casca de algumas variedade é mais dura. Se passados 7 ou 8 dias uma semente não abrir é recomendado ajudar-la com muito cuidado a romper a casca pela zona da ponta. Podes utilizar umas pinças, os teus dedos ou os dentes, mas lembra-te de o fazer com muito cuidado ou destróis a semente.

     

    Uma vez abertas já as podemos colocar no substrato com a ponta da raiz para cima, enterrando-as pouco (menos de 1 cm) e mantendo-as num lugar escuro protegido da luz até que saiam do substrato e se abram as duas primeiras folhas redondas (cotilédones ).

     

     

     

     

    Este é o momento de as por ao sol ou debaixo da lâmpada, tendo cuidado de não as queimar já que nesse período são muito delicadas e uma quantidade excessiva de calor ou luz pode prejudicar-las de modo irreparável em poucas horas.

     

    A eleição do primeiro substrato a transplantar as recém nascidas deve ser de acordo com o meio de cultivo que se pretenda usar. No caso de ser terra, o mais adequado é germinar em Jiffy ou diretamente na terra usando um pequeno vaso. Se pelo contrário decides fazer um cultivo hidro o mais adequado é fazer a germinação usando um taco de lá de rocha.

     

    Na THGrow dispomos de alguns produtos específicos para a germinação. Estes produtos costumam conter substâncias que ajudam a amolecer a casca da semente, a gerar mais raízes e a prevenir fungos ou enfermidades que podem afetar a planta.

     

    É o caso do Xseed, um tratamento específico para germinar sementes de canábis que previne o desenvolvimento de enfermidades e potencia o enraizamento nas primeiras fases da planta.

     

    Nesta mesma linha está o SeedBooster da Plagron, que é um conjunto de enzimas que aceleram o processo de germinação da semente proporcionando proteção ante eventuais infeções de fungos ou bactérias. O SeedBooster também está incluído na SeedBox da Plagron, que além disso contem uma bandeja \ sementeira com tampa transparente e 12 tampões de germinação (semelhantes aos Jiffys de 41 mm).